BioAmigo BR 46-Analfabetismo no Brasil na segunda metade do século XX

Segundo o IBGE, o número de analfabetos no Brasil não mudou substancialmente em números absolutos, mas decresceu em número relativo no decorrer da segunda metade do século XX, passando de maioria para minoria.

Em 1950, eram 24 924 223 analfabetos numa população brasileira de 43 573 817, representando 57,2%.

Em 2000, a população brasileira era quase 4 x superior a de 1950: 153 486 617 habitantes, incluindo  25 632 265 analfabetos (16,7%). Portanto  um percentual de analfabetismo menos de um terço em relação ao verificado 50 anos atrás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *