Enquete 392- Bioética, corpo atlético e super-heróis

A Bioética está atenta às pesquisas sobre manipulação genética na concepção objetivando melhorar capacidades físicas do ser humano, assim satisfazendo desejo de futuros pais.

Análises críticas sobre a atração atual em desenvolver um corpo atlético motivo de admiração sugerem que esta normatização estética contemporânea vai além de uma concepção de físico saudável  http://link.springer.com/article/10.1007%2Fs10728-016-0332-4.

Há razões ligadas a expressões de significados e de valores, sendo que a semelhança com super-heróis  faz  considerar uma superposição com as narrativas dos mesmos. Como se sabe, super-heróis costumam ter vidas cheias de significado com clareza de objetivos “moralmente corretos”. Ou seja, a escolha em ter um corpo atlético representaria desejo por uma personificação de comportamento moral.

O desejo pelo corpo atlético contemporâneo é uma ilusão de significado influenciada por narrativas da atualidade e pela valorização de estereótipos sociais

Visualizar Resultados

Carregando ... Carregando ...

Enquete 390- Bioética e vi$ão do hoje ou do amanhã?

Há futuros pais que desejam filhos submetidos a intervenção genética que possa melhorar capacidades cognitivas e/ou físicas. Há desejosos futuros pais que estão preocupados com recomendações  sobre a gestação em tempos de crise mundial pelo Zika vírus.

Os avanços científicos exigidos para aprimorar a atenção a ambas situações demanda financiamentos de grande monta.

Na sua opinião, a distribuição de recursos para pesquisas científicas na área da perpetuação da espécie deve

Visualizar Resultados

Carregando ... Carregando ...

Enquete 388- Bioética e continuidade no atendimento

A continuidade no atendimento à necessidade de saúde associa responsabilidade do médico e aderência do paciente, eleva a oportunidade para medidas preventivas e reduz o número de hospitalização.

Há evidências que a continuidade entre nós está prejudicada por entraves do sistema de saúde e por desvalorização do seu benefício pelo próprio paciente.

Quatro dimensões compõem a continuidade: a) cronológica observação diagnóstica e terapêutica sequente pelo contato médico-paciente repetido-; b) geográfica – relacionada ao local do atendimento, como ambulatório, hospital, domicílio-; c) interdisciplinar- refere-se ao manejo contemporâneo das comorbidades e de aspectos envolvidos como sociais, psicológicos, religiosos; d) interpessoal – conexão de confiança entre médico-paciente-familiar-cuidador. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2305974/.

Qual dimensão da continuidade você valoriza mais?

Visualizar Resultados

Carregando ... Carregando ...