103-Bioética e Medicina Personalizada

Nova imagem (1)

X indica o limiar baseado em evidência para o início da farmacoterapia (segmento da população elegível para receber a droga indicada pela área sob a curva à direita de X. Y indica o limiar baseado no marketing da indústria para o início da farmacoterapia (segmento da população elegível para receber a droga indicada pela área sob a curva à direita de Y). O deslocamento à esquerda de X para Y reduz a eficácia da droga porque inclui o uso para pacientes com menos risco da doença e menos sintomas graves, daí aumenta o número de pessoas com necessidade de tratar e este excedente aos riscos de adversidade da droga Crédito: Adams SD, Evans JP, Aylsworth AS. Direct-to-consumer genomic testing offers little clinical utility but appears to cause minimal harm. NC Med J 74:494-499, 2013 e Iaonnidis JPA- Genetics, personalized medicine and clinical epidemiology: expectations, validity and reality in omics. J Clinic Epidemiol 2010; 63:945-9.

Tratamento e prevenção são habitualmente guiados pelo diagnóstico.  Exemplo que cabe em ambos é o uso de fármaco redutor de secreção gástrica. A “proteção gástrica” é razão para o uso em gastrite identificada e na prevenção da mesma quando se supõem efeitos agressores de fármacos prescritos à parede do estômago.

Nesta última circunstância, não há, nem evidência que aquele paciente, em particular, virá a sofrer uma gastrite medicamentosa, nem há muita preocupação acerca de adversidades relatadas na literatura. É uma presunção coletivizada, portanto.

Na prática, fica difícil avaliar em qual paciente a droga foi útil e em qual foi fútil. Uma atitude de prudência ou um excesso de zelo ficam como questões teóricas e pesquisas clínicas neste campo associam-se a vieses comprometedores de uma translação para a beira do leito.

É sabido que a mais eficiente terapêutica para uma situação convive com percentual de ineficácia. É a chamada falha de tratamento- etiológico, por exemplo- que é verificada no decorrer do uso. É quando um “segundo melhor” esquema pode substituir o primeiro com sucesso. O período de tempo para a constatação e para a troca pode ter influência negativa no prognóstico. Continue lendo