78-Bioética: Desejo e sei fazer. Devo fazer?

esencia-marketingrodinPrincípios e valores do profissional da Saúde determinam movimentos e contramovimentos da tríade: desejo fazer – estou habilitado para fazer- individualizo o que faço.  O exercício moderno da Medicina exige a vontade, a capacitação e o consentimento. Vontade sempre houve, capacitação tem o nível da época e consentimento é a novidade.

Desejo fazer tem dois níveis de entendimento. O primeiro refere-se à intenção do médico de se qualificar para fazer. É um continuum que se inicia no desejo de cursar uma Escola de Medicina, cumprir um currículo de formação profissional, e prossegue numa pós-graduação, numa especialização,  no continuar estudando e se atualizando. O segundo diz respeito a ter gosto pela prática, colocar-se diante da oportunidade para fazer, num ambulatório, numa enfermaria, numa sala de aula, num laboratório de pesquisa.  Continue lendo