41-Coragem Moral

R7-MudarOuvi de um colega que quem “faz” Bioética precisa ter coragem. Fiquei matutando, senti veracidade na observação. Não será mesmo que uma Comissão de Bioética é reunião multiprofissional de corajosos da Saúde? Estes voluntários da Moral têm a determinação  necessária.

É claro. Resoluções requerem coragem  e quem “faz” Bioética envolve-se com conflitos de tomada de decisão. E demandam coragem para ir ao encalço  da mais apropriada atitude  frente a percepções distintas   de mesmo acontecimento ou de mesma circunstância.

Nas situações onde se pretende harmonizar a vontade  de aplicar o benefício da Medicina que está na cabeça do médico  com o não desejo do paciente, a valorização da empatia reduz indiferenças e agressões e evita a coerção. Continue lendo